Fairy Gone | “Só de possuir poderes de fada, já é uma pessoa ilegal de viver pelo governo, mas e se o governo precisar dela ?!”

3 anos atrás
409

Sinopse:  Fairy gone é ambientado em um mundo onde as fadas possuem e residem dentro dos animais, concedendo-lhes poderes especiais. Ao remover cirurgicamente e transplantar os órgãos de um animal possuído em um humano, os humanos podem parcialmente invocar a fada e usá-la como uma arma. Eventualmente, esses indivíduos foram usados ​​para a guerra e foram chamados de “Soldados das Fadas”. Depois de uma longa guerra, esses soldados perderam seu propósito e tiveram que se reintegrar à sociedade.

A história começa nove anos após o fim da guerra e centra-se na protagonista Marlya, uma nova recruta de Dorothea, uma organização dedicada à investigação e repressão de crimes e incidentes relacionados a fadas. Mesmo em tempo de paz, o governo ainda é instável após a guerra. Muitos criminosos ainda têm feridas do conflito anterior, e há grupos terroristas empenhados em vingar-se. Esta é a história de soldados de fada buscando sua própria justiça em um mundo pós-guerra caótico.

Resultado de imagem para fairy gone

Olha, eu pensava que seria um anime bobinho se tratando de fadas e poderes, mas não é bem assim as coisas hein!? O anime começa em um leilão de itens mágicos, fadinhas em um recipiente, manuscritos importantíssimos, e até um animal especial em uma gaiola que sente faro de fadas e/ou pessoas com poderes de fadas… Então aprece em cena Marlya, uma garota que estava no lugar certo na hora certa… O bichinho foge da gaiola, começa um tiroteio e confusão generalizada no leilão, a mulher por trás do assalto é sua amiga de infância, Verônica, há também um “policial” infiltrado, que parece ser um vilão, mas possui uma identidade secreta…

Um recipiente com uma fada quebra, e essa fada se infiltra no corpro de Marlya, os poderes especiais são bem interessantes, não vou detalhar pra você assistir, mas ao receber o poder das fadas, o cara chega pra ela e fala diz que “independente de sua índole, você já é uma pessoa ilegal de viver aos olhos do governo, só pelo seu poder”… Então imagina, trabalhar “forçado” pro governo ou ser morta… Vamos ver onde é que essa história vai chegar… Gostei e recomendo, é um bom ambiente de “pós guerra civil” e mostra aqueles rancores guardados pelos mais extremos, aquelas sequelas em gente que sofreu repressão, e por aí vai. É um ambiente bem criado pelo autor.