Apex Legends: Salvadores – Primeiras Impressões

2 semanas atrás
451

Dez de maio chegou, e com ele, a mais nova temporada de Apex Legends. Já joguei algumas horas e posso esboçar considerações positivas e negativas, mas posso adiantar que o saldo é positivo. Comecemos pelas alterações mais básicas e o que eu gostei.

Os pontos positivos:

Com toda temporada de Apex, somos apresentados a novos personagens, com habilidades distintas e que variam entre: suporte, médico, ofensivo e defensivo. Cada uma das habilidades é um reflexo destas categorias, e o que eu considerava necessário foi adereçado: a necessidade de mais personagens defensivos.

O Newcastle surge para contrabalancear o ritmo acelerado das partidas, com habilidades mais dinâmicas e que mesclam o ofensivo com o suporte. O ato de poder levantar um aliado caído enquanto o move ao mesmo tempo que utiliza um escudo é deveras útil. E sua habilidade especial pode ajudar nos momentos em que o anel está fechando–se e não há coberturas por perto, visto que ele consegue gerar coberturas satisfatórias.

Além disso, é um personagem bastante carismático e com parentesco com a Bangalore, outra personagem do jogo. A interação entre eles é engraçada e torna o jogo ainda mais charmoso por tais aspectos.

Nenhuma arma nova foi adicionada, porém os balanceamentos das já existentes foram agradáveis e justas. A alteração nos mapas também trouxe um quê a mais, e as estações de suprimentos com os robôs da IMC são divertidas de enfrentar, dando aos jogadores iniciantes uma chance de conseguir bons equipamentos sem ter de enfrentar os jogadores de níveis mais altos. E por falar neles, vamos para os pontos negativos…

Pontos fracos:

Com a chegada da nova temporada, também foi implementada um novo sistema de progressão para jogos ranqueados, um modo que busca reunir aqueles que querem partidas mais competitivas e trabalho em equipe. O novo sistema acrescentou um elo para jogadores iniciantes e removeu a mecânica de que quando chegava–se ao elo Diamante o jogador não poderia ser rebaixado para ranques inferiores.

Como todo início de temporada, jogadores mais experientes e veteranos voltam para experimentar o jogo e divertir–se por mais algum tempo. O problema é que estas mudanças pareceram desagradar o público que queria jogar competitivamente mas não detinha de tanto tempo, o que resultou em uma migração, visto que se não jogam as ligas ranqueadas, simplesmente vão para o modo casual.

É aí que está o problema, Apex Legends está num ponto em que é assustadoramente agressivo com jogadores iniciantes, o que pode resultar em perdas no crescimento orgânico da comunidade.
Mas, no geral, eu gostei desta temporada. Caso algum evento relevante surja eu venho aqui e comento as alterações, mas até lá, boa sorte na matança!